Há 120 anos nasceu Bento de Jesus Caraça

A vida e a obra do matemático, professor, homem de cultura e combatente antifascista, constituem um legado que permanece válido para as gerações actuais.

Aquele que viria a tornar-se um dos maiores vultos da cultura portuguesa do século XX nasceu a 18 de Abril de 1901, em Vila Viçosa, numa casa modesta, filho dos operários agrícolas João António Caraça e Domingas Espadinha.

Tinha pouco mais de dois meses quando os pais o levaram para a Herdade de Casa Branca, na freguesia de Montoito, no concelho do Redondo, onde trabalhariam, o pai como feitor e a mãe como doméstica.

 

Bento de Jesus Caraça jamais se viria a esquecer ou envergonhar das suas origens, tendo orgulho em afirmar-se filho de camponeses. Apoiou os pais a partir de Lisboa e comprou-lhes casa quando, ao fim de muitos anos, eles deixaram de trabalhar na herdade. O seu filho, nascido em 1945, viria a chamar-se João, como o avô.

Bento de Jesus Caraça

geral@cechap.com​

confinanciado por